“Quando eu era criança, falava como criança, pensava como criança, raciocinava como criança …” (I Co 13.11)

Ando cheia das dúvidas por estes dias: como ou escrevo pro blog? Durmo ou escrevo pro blog? Vou ao banheiro ou escrevo pro blog? Tomo banho, dou banho, troco fralda ou escrevo pro blog? E a resposta para todas estas perguntas é apenas uma: faça tudo e esqueça o blog.

Olha, não é pouco caso. Mas a Maitê está sofrendo de “mamites” aguda. Sabe aquela doença de recém-nascido, em que ele quer a mãe o tempo inteiro? Não tem vacina e nem remédio. O tratamento é apenas com colo e com mamadas irregulares e constantes. São raros os dias em que durmo mais de 4 picotadas horas. São quase milagrosos estes dias.

Nenhuma novidade. Cansei de ouvir falar sobre isso. Assim como cansei de ouvir falar da emoção ao ver um filho fazendo gracinha. E assim como a Maitê teve ataque de “mamites” teve também grandes novidades no comportamento e descobertas, que estão sendo acompanhados de pertinho.

Nos últimos dias, ela socializou muito! Conheceu os avós portenhos, foi ao boliche, visitou o trabalho dos pais. A Maitê também começou a tomar banho de chuveiro (adora) e com shampoo. Colocou brinco, começou a tomar homeopatia, tomou a segunda dose de vacinas. E está tentando reproduzir nossos gestos. E este último começou por iniciativa própria. Nós apenas mantemos a estimulação.

Segunda-feira, durante o L.A.B.B.I.A (Liga Argentino Brasileira de Boliche Incrivelmente Amador), um casal de amigos ficou de boca aberta quando deram tchau à Maitê e ela retornou o tchau. Um adeus direitinho, muito coordenado, ao contrário do vídeo que postarei aqui. Lembro que ela não tem dois meses e ninguém quer fazer desta criança uma coisa genial. No entanto, assim como ninguém quer exaltar, também não queremos minimizar: ter este reflexo de tentar dar tchau e mandar beijo nesta idade não é tão comum assim… E claro, juntamos a fome com a vontade de comer: a família que está longe deseja acompanhar o desenvolvimento da pequena e os pais babões que querem guardar e exibir estes registros.

About these ads
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s